Mostra-me que vale a pena

Só queria aquele tão prometido abraço, um pouco de calor humano, algo que me fizesse acreditar que o amor realmente existe, que o mundo podia ser nosso… que tu podias ser minha.

Desiludiste-me com atitudes infantis, não tiveste a coragem de uma mulher, encarar-me de frente para me dizeres que não querias, que não passei de um brinquedo nas tuas mãos. Continuar a ler

Anúncios

Amor a quanto obrigas

Coloco-me num determinado ponto de vista, e vejo um multidão enorme em euforia, e não me refiro aos adeptos do Sporting em comichão junto ao autocarro da equipa antes do dérbi, mas dos nossos neurónios, a chocar uns contra os outros, a gerar “milhões” de voltes quando apenas uma frase ecoa na nossa mente, gera uma alegria e uma euforia tão grande que é capaz de fazer explodir a cabeça Continuar a ler

Nós, os que amamos!

Nós, pessoas de mentes criativas, sempre prontos a começar a escrever, temos sempre o mesmo problema: Por onde começar… Hoje vou começar por onde doi mais! O coração!

Hoje em dia, lava-se a roupa suja nas mais diversas redes sociais, só porque todo o idiota procura atenção, e todo o idiota, nos dias que corre, pensa ter carisma e a arte na ponta dos dedos enquanto escreve um pequeno texto em que aponta todas as mulheres como iguais, e as vai rotulando uma por uma com os mais diferentes nomes, alguns até difíceis para mim pensar, quanto mais pronunciar. Continuar a ler